quinta-feira, 13 de setembro de 2007

Novo ano lectivo II

Fomos hoje à apresentação na escola da Camila. Tivemos uma sessão de boas vindas aos pais e novos alunos em que nos mostraram a escola e nos explicaram o funcionamento dos vários serviços lá existentes (refeitório, bar dos alunos, secretaria, biblioteca). De seguida tivemos a apresentação com a directora de turma da Camila onde tivemos conhecimento de regras da escola e do funcionamento em geral da escola e das aulas. Recebemos a lista do material a comprar para cada uma das disciplinas e foi nisto que se passou a manhã. A Camila estava bastante satisfeita porque ficou na turma com a maior parte dos seus amigos e aqui a mãe dela satisfeita porque a turma dela ficou com o horário da manhã, o que facilita bastante para levar todos à escola e ir buscar na hora de almoço e apanhá-los à hora de saída. É menos uma coisa com que me preocupar.

As aulas começam a sério na segunda feira sendo que segunda tenho a apresentação da Beatriz. Mas no caso da Beatriz já sabemos que a turma se mantém, com excepção de algum aluno novo que se tenha inscrito, e a professora é a mesma do ano passado.

Quanto ao senhor Tomás, tem ficado muito bem na escola, acorda de manhã sempre bem disposto e cheio de vontade de ir para a escola. Gosta bastante da sala nova e de todas as actividades novas que lá existem.

Já o Eduardo e o Gabriel são uma história completamente diferente... Tem sido um pesadelo. Choram para ir dormir de noite, acordam imensas vezes de noite (mais o Gabriel que o Eduardo) e só tornam a dormir quando os colocamos na nossa cama ou quando um de nos se deita na cama deles, fazem uma birra inimaginável para sairem da cama de manhã, fazê-los tomar o pequeno almoço é praticamente impossivel e para entrar no carro é outra pequena grande luta. Vão o caminho todo naquela sinfonia de choro e tenho, literalmente, de os arrastar para entrarem na escola. Está a ser mesmo muito complicado para eles adaptarem-se à escolinha e começo a pensar que talvez tenha sido uma má ideia esta. Se nesta semana que têm ido só 2 horinhas de manhã e tenho ficado sempre lá por perto deles, que eles não me largam as saias, tem sido esta luta, nem quero imaginar como vai ser para a semana quando eu já não ficar por perto. Tenho sempre a esperança que eles se comecem a adaptar muito em breve, até porque eu não vou aguentar muitos mais dias vê-los a chorar daquela maneira sentida e a pedirem para irmos embora sem chorar também e sem os pegar ao colo para nos irmos embora (sim que isto de deixar os nossos filhos na escola a chorar não se torna mais fácil mesmo quando já o fizemos com 3 antes).A ver vamos o que vai acontecer na próxima semana...

19 comentários:

mãe dos kiduxos disse...

Com o meu Gabriel (2 anos e 9 meses) tem sido igual...
Muito difícil a adaptação. Ele fica lá sozinho (das 8:30-13h). É desde que acorda até o pai sair de lá. Um berreiro.
Está complicado.
E para a semana passa a ficar para a sesta. Aí é que vai ser bonito!
Nem quero pensar.

Ainda bem q tudo o resto vos corre de feição!

Beijinhos a todos

María&Peste disse...

O David chorou as primeiras 3 semanas em que começou a creche; mas só tinha 1 ano. Depois chorava quase sempre, só um pouquinho até que parou e à tarde às vezes nem queria vir para casa.

NA sala de 2 anos, chorou um bocadito ao fim de uns dias de começar, depois teve uns dias de chorar perto do Natal e nada mais.

Agora, no pré-escolar, o inicio está a correr bem. Por enquanto.

Espero que os gémeos se adaptem rapidamente para tu ficares mais descansada, sei o quanto custa deixar um filho a chorar, choramos nós também....

Quanto aos outros 3, ufa, pelo menos aí corre tudo bem!

Bjnhos grandes

Tranças disse...

oi, eu sei que é complicado, é dificil tanto para eles como para os pais...mas tem de existir sempre uma adaptação e ai os pais tem de ajudar, tal como as educadoras. procurar saber quais as actividades que eles gostem, cativa-los, pronto.
As crianças gostam de chamar ao sentimento dos pais, e ai cabe-nos a nós pais sermos firmes de mostrar-mos confiança no local e que é ali que eles vão aprender muitas coisas.é preciso ter calma, acho que se os tirar e depois mais tarde voltar a coloca-los na escolinha vai ser pior.
beijocas para voçes

Tranças disse...

Oi, eu novamente, sou mesmo tonta, afinal eu já tinha mandado um convite...agora é que dei conta...

PM disse...

Muito obrigada pelo vosso carinho!!!!
É por e para vocês que o BabyBlogs existe!!!
Nunca te esqueças o quanto te admiro!!!!
Beijocas ENORMES

Cláudia, a mamã da Daniela disse...

Não sei como consegues... Mas, como se diz, quem corre por gosto...

Eu, cheguei a sexta feira completamente de rastos, com tantas noites mal dormidas... e com uma dor de cabeça enorme!

kriz disse...

acho que a adaptação à escolinha é dificil para os miúdos mais pequenos. deve ser muito dificil vê-los a chorar e ter de os largar... nem imagino!!! mas a coisa vai melhorar!

bjs***

Mary / Baby boom disse...

:)
Parabens 20 000!! Tens lá um "prémio" para Ti!!!
Beijinhos

Mãe Pimpolha disse...

Não deve ser nada fácil virar-lhe as costas e deixa-los a chorar, pode ser que se vão adaptando, sempre se têm um ao outro. Vai correr tudo bem, vais ver. Até lá, tens que ter calma, não deve ser fácil, mas tens que tentar.
Beijinhos

Ana Guida disse...

k pena essa situaçao dos gemeos :(

pelo menos d resto corre td bem! bjns*

@Memorex disse...

Ès uma mulher cheia de força e de coragem, com uma paciência á prova de bala.

Encaras as coisas com toda a naturalidade do mundo, amando seres luminosos mesmo aquele que está embutido no teu ventre sentido as primeiras impressões da vida.

Um beijo acriançado de inocência.

Memorex.

Mary disse...

Vais conseguir ultrapassar esta fase, com calma que pareces desmonstrar vais lá chegar.

Um beijinho
Isa

Cristina disse...

É complicado mas vai passar. Mas é sempre doloroso deixá-los a chorar..

Bjos

Cristina

SimplesmenteUmaMãe disse...

Acho que todos os miudos têm essa reacção aos primeiros dias de escola. O meu também teve!
Ainda este ano e já com 5 anos, a segunda semana foi dificil.
Eu acho que quando estamos por perto é pior, depois de sairmos embora ainda chorem um pouco, acabam por ficar bem, pelo menos é o que nos dizem e nós temos que acreditar nisso!
Mas que custa, CUSTA e muito.
Vai com calma e vais ver que tudo se resolve, quando se tiverem ambientado até te vão pedir para ir ao fim de semana ;)

Beijinhos doces

Mãe Raquel disse...

Mãe sente igual tanto no 1º filho como nos outros todos não é? Custa ter que os "abandonar" na escolinha, eu nem me consigo concentrar no trabalho, estou sempre a pensar se estará bem, se hoje custou mais ou menos....enfim, para nós também é uma adaptação.

Bjs

Mãe da Rita disse...

Admiro muito o que contas da tua família, deve dar bastante satisfação (apesar da trabalheira...). Como andam os gémeos? Se saires não é melhor? É que é mais fácil eles chorarem na tua presença, o meu sobrinho fazia isso pq sabia q o iam buscar se chorasse... Conta mais, gosto de conhecer a organização de uma casa com tanta gente. Bjs! MJ

Eduarda disse...

Coração de mãe sofre mesmo...deixar os filhotes na escola, a chorar, a implorar para não irmos embora...é horrível eu sei.

Mas por norma isso passa-lhes depressa, e nocaso deles têm a vantagem de se apoiarem mutuamente!

Quando a minha M foi para o infantário aos 3 anos (até lá tinha estado sempre em casa) tb custou um bocadinho, mas no final da 1ª semana já estava tudo bem!

Vais ver que a coisa se vai resolver mais depressa do que tu pensas!


Um beijinho (a multiplicar por 6)

Cláudia, a mamã da Daniela disse...

Deixei-te um miminho no cantinho da minha filha.
Passa por lá para veres!

Eva Lima disse...

E passada a 1ª semana, como vão?